Semeando


Semeando volta a Imperatriz para Salão do Livro
29 de maio de 2013, 19:21
Filed under: Uncategorized

Imagem

Voltei a Imperatriz, onde o Semeando já passeou, convidada para participar do XI Salimp (Salão do Livro de Imperatriz). Já no desembarque uma coincidência me garantiu uma recepção pra lá de grandiosa: um general chegou no mesmo horário, atraindo para o aeroporto muitos militares, tanques e jipes do exército. Meus anfitriões brincaram dizendo que o Exército brasileiro viera me recepcionar, mas no fim das contas descobri que um representante da Academia Imperatrizense de Letras de fato havia sido enviado para me aguardar, o que já foi uma honra e tanto.

Imagem

A abertura do Salão ocorreu no fim da tarde do dia seguinte e de novo recebi tratamento de celebridade, dessa vez ao ser chamada para ficar ao lado do prefeito, autoridades do Estado e de escritores convidados durante a cerimônia. o Semeando ficou no maior estande do local, junto com os livros dos acadêmicos da Academia Imperatrizense de Letras. Por lá havia também a Arena Infantil, onde me ofereci para contar histórias, o que não demorou para acontecer e se repetiu durante todo o evento. Cheguei a assumir o espaço em alguns momentos. Além disso, aproveitei para “semear”, distribuindo o marcador de livros e dizendo onde poderiam encontrá-lo.

Imagem

Contei muitas histórias. Em uma das vezes, três adolescentes de cerca de 15 anos ficaram tão entusiasmadas que chamaram a turma inteira e a professora. No fim, compraram livrinhos e até pediram autógrafos. Na outra, recebi a visita da diretora da Escola Municipal Guilherme Dourado, que visitei no ano passado. Lá as coisas foram difíceis, com crianças inquietas e fazendo guerrinha de papel. “Desde que a senhora esteve na nossa escola, temos trabalhado com seu livro: colocamos uma frase por dia no mural e conversamos diariamente com os alunos sobre os valores do Semeando. Tem sido um trabalho ininterrupto e constante e podemos notar o resultado! Somos muito agradecidos”, contou, para a minha alegria. Só por esse retorno já teria valido a pena minha ida a Imperatriz.

Imagem

Além de contar histórias e vender livros, dei uma palestra no Salimp. Não havia mais que umas 20 pessoas, mas foi bom demais! Durante a viagem, também falei em um evento do Dia das Mães no base da Aeronáutica. Acho que a mensagem do Semeando tem tudo a ver com a missão de ser mãe: ajudar o próximo a contribuir para um mundo melhor para todos. Também tive meu momento fama: fui entrevistada por duas emissoras de televisão, uma delas retransmissora da rede Globo na cidade. Depois disso fui reconhecida na rua e tudo!

Imagem

Foi muito bom participar do Salimp, divulgar o Semeando, contar histórias, reencontrar amigos e fazer novos… Meu sentimento foi o de “pertencer”. Fui tratada com muito acolhimento e carinho e nada me faltou nesses 10 dias que passei nessa cidade.

Imagem

Obrigada, Imperatriz! Quero voltar mais uma vez.

Imagem

Anúncios